• RSS
  • Orkut
  • Flickr
  • Facebook
  • Twitter
  • Tumblr
  • Youtube

Carta aos ROMANOS

Posted by Equipe do Blog on 10:24 No comments



Este quadro foi elaborado com o objetivo de aprendermos mais sobre as CARTAS PAULINAS. E, para começar, vamos falar um pouco sobre a CARTA AOS ROMANOS. Ela foi escrita pelo apóstolo Paulo quando ele estava na cidade de Corinto.

Embora normalmente se acredite que Pedro fundou a igreja de Romanos, há poucas evidências disto. Na verdade, não há informações suficientes para sequer sugerir quem foi responsável por guiar os crentes de Roma. É verdade, contudo, que a dispersão dos judeus levou aos estabelecimentos uma grande quantidade de sinagogas em meio à população de gentios por todo o império Romano.

Durante este período, a religião politeísta do Império Romano estava se tornando cada vez menos popular, e há evidências que muitos se tornaram prosélitos do judaísmo e começaram a adorar o Único Deus verdadeiro. Estes eram os mais receptivos à mensagem do evangelho, uma vez que não tinham a predisposição hostil dos judeus e estavam convencidos de que o politeísmo era falso.

O apóstolo Paulo quis tratar de algumas questões específicas. Entre elas, a mensagem de que existiam raças mescladas na igreja. De modo que ele falou a judeus e também a gentios. Mas a mensagem principal da epístola aos Romanos é a salvação.

Em Rm 1.18 – 8.39, Paulo descreveu a condição humana da perspectiva de Deus e falou o que o Senhor fez para perdoar e restaurar os seres humanos ao relacionamento apropriado consigo. E isso ainda não era tudo: Deus deu o Espírito aos que confiavam na sua graça. Por intermédio do Espírito Santo, os que foram justificados pela fé podem viver vidas santas, andando em caminhos que são agradáveis a Deus.

Amados irmãos, com esta lição de quão grande é o amor de Deus para conosco, não devemos medir esforços, mas chegar cada vez mais perto desse Deus, que sempre está disposto a nos ajudar e derramar o seu amor sobre as nossas vidas.

Continuem lendo as CARTAS PAULINAS porque Deus tem muito mais a nos ensinar. Paz!

0 comentários:

Postar um comentário