• RSS
  • Orkut
  • Flickr
  • Facebook
  • Twitter
  • Tumblr
  • Youtube

[Homens&Mulheres da Bíblia] - Caim

Posted by Equipe do Blog on 22:18 No comments



Paz do Senhor, pessoal!

Na postagem de hoje nós vamos falar um pouco sobre CAIM. Embora não existam muitos relatos sobre a vida da primeira criança do mundo, podemos aprender com a sua história.

Caim virou uma criança muito furiosa e o motivo dessa raiva foi por conta de uma oferta. Ele e seu irmão Abel haviam oferecido sacrifícios a Deus, mas diferente da de Abel, a de Caim foi rejeitada. Por conta dessa rejeição, Caim ficou diante de duas escolhas, ou ele poderia corrigir a sua atitude em relação à oferta, já que ele não ofertou o seu melhor a Deus, ou ele descontaria a sua raiva em seu irmão. Foram duas opções completamente diferentes, se relacionássemos essas duas opções com uma pista, seria uma via de mão dupla. Mas mesmo assim, Caim decidiu escolher a direção errada. Ele escolheu assassinar o seu próprio irmão.

Que nós possamos ter cuidado na hora de decidir o que vamos escolher. Deus sempre estará disposto a nos ajudar a escolher o que é certo. Pedir a sua ajuda pode nos impedir de tomar atitudes das quais nos arrependemos.

·         Pontos fortes e êxitos:
o   Primeira criança humana.
o   Primeiro a seguir a profissão do pai, fazendeiro.
·         Fraquezas e erros:
o   Quando contrariado, reagia com fúria.
o   Assumiu uma posição negativa mesmo quando uma possibilidade positiva lhe foi oferecida.
o   Foi o primeiro assassino.
·         Lições de vida:
o   A raiva não é necessariamente um pecado, mas as atitudes motivadas por elas podem ser pecaminosas. A raiva deveria ser a energia por trás de uma boa ação, não uma ação maligna.
o   O que oferecemos a Deus precisa ser de coração – o melhor que somos e possuímos.
o   As consequências do pecado podem durar toda a vida.
Dados retirados da Bíblia de estudo Aplicação pessoal.

“Se bem fizeres, não haverá aceitação para ti? E, se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e para ti será o seu desejo, e sobre ele dominarás.” (Gn 4.7)

0 comentários:

Postar um comentário