• RSS
  • Orkut
  • Flickr
  • Facebook
  • Twitter
  • Tumblr
  • Youtube

Nos Bastidores da Festa da União

Posted by Equipe do Blog on 11:26 No comments


Oi pessoal! Que saudade eu estava de vocês! 

Tenho ótimas justificativas para o chá de sumiço que eu e toda a equipe tomamos esses dias. Além do vestibular e a quarta unidade nos colégios, que por sinal nos tira do sério, tivemos de enfrentar a festa da União. Tá, a festa foi linda, a farda foi linda, e tudo foi lindo, mas pra isso acontecer, MUITA GENTE ralou muito pra cada detalhe sair perfeitinho, e é claro, muita oração não faltou né! O Pb. Josiel colocou a gente pra orar sem dó nem piedade, a pressão foi tanta que algumas vezes no ensaio, quando estávamos ensaiando os hinos para a festa, o espírito santo trabalhava de uma forma tal, que nós ficávamos admirados... Parecia um culto!

Mas como eu disse antes, pra isso acontecer, muita gente ralou, e vamos abrir as cortinas dos bastidores! Porque, vejam:  tem dois bastidores, o do pessoal da união, e o do pessoal que tava organizando a festa da união, o pessoal da batuta, que pegou no pesado. Aliás, quero em alto e bom som parabenizar a direção da união, que fez um trabalho incrível, que eu nunca vi antes. Estou falando de envolver quase a união toda em várias equipes pra todo mundo trabalhar e ninguém ficar sobrando. Sério, a Ir. Silvanete fez muita equipe mesmo e ninguém ficou se sentindo excluidinho, tenho certeza.

A União da gente é gigante, big big mesmo! E pra achar pano pra farda de todo mundo, não foi nada fácil, pra isso, a Ir. Silvanete, Azenate e Cia, tiveram que andar muuuuito, mas enfim, eu particularmente amei a farda. Muito fofa! Era tudo preto, mas ninguém ficou com cara de enterro, garanto. Ela combinou com uma rendinha preto com branco na parte de cima, e embaixo era pretinho. Os meninos, gravata preta. E a gravata da direção, eu amei de verdade. Era tipo metade preta e metade prata...  Fofíssima.

Fora os ensaios puchadíssimos, o blog colocou as músicas da festa no ar pra o pessoal da união ouvir em casa e aprender mais rápido. A turma do instrumental. Meu Deus do céu! Ralaram muito! Fora subir e descer os instrumentos (e a bateria) todos os dias de ensaio e na quinta, sexta e sábado da festa, eles e a equipe de apoio na decoração eram os primeiros a chegar e os últimos a sair. A equipe de apoio de decoração, (eu tava nessa, haha *-*), corremos muito, muito, mas muito mesmo! A gente ficava o dia todo na igreja. Também tinha uma turminha que ficava todo fim de ensaio correndo atrás de caixas de chocolate. Foi assim, agente arrecadou chocolate da gente mesmo, pra dar pra a gente mesmo e pra nossa família. Parece sem lógica? Deu certo também! O pessoal que ficava na recepção, tentando arrumar lugar pra todo pé de gente, o pessoal do jogral (e que jogral viu? Lindo demais) que ficavam ensaiando sem vergonha de gritar, o pessoal que fez comida e lanche pra a união, a rádio unidar, o pessoal do culto de missões, é tanto pessoal que eu acho que posso ter esquecido de algum, (porque a direção não deixou mesmo ninguém ficar excluidinho), enfim, todos estão de parabéns.

Tiveram, fora o domingo, quatro cultos. Na quinta: acolhendo da família. Na sexta: acolhendo do amigo, no sábado, culto de missões à tarde, e culto de missões à noite. O culto da família foi lindo, teve uma hora que o pregador mandou os pais abraçarem os filhos, e orou por todas as famílias ali presentes. Foi muito perfeito, um chororô só. Na decoração tinha uns recadinhos pendurados na parede, e um painel de fotos em forma de coração com umas luzesinhas ao redor. (E claro, uma bancada pro blog). E umas lembrancinhas para as famílias. 

No acolhendo do amigo, veio bastante gente, e Deus salvou 10 almas. Inesquecível. E no fim, a unidar fez uma surpresa para o PB. Josiel, porque era o aniversário dele... Cesta de frutas, presentes, crônicas, recadinhos pela rádio Unidar (aliás, um recadinho apaixonado da esposa dele, a Ir. Silvanete), e um bolinho no fim. No sábado, à tarde, um tipo de entrevista-culto com alguns filhos de missionários nos contando suas experiências mais marcantes, um bate papo empolgante liderado por Pedro Lins, com direito a música ao vivo em francês, inglês, espanhol e africano.

No culto de missões à noite, um jogral lindo, onde pudemos sentir o agir do espírito santo, que nos despertou sobre a necessidade das almas que ainda não conhecem a Jesus. No domingo de noite, foi perfeito né gente? A união entrou, e a na hora de cantar, foi como ter certeza que todos os esforços valeram a pena. Teve um hino pelos adolescentes que iam sair da união...  E Deus se fez presente. Lindo mesmo. Bom, eu só tenho mesmo a agradecer por Deus ter cumprido a promessa que nos fez: "Vai dar tudo certo".  Obrigada Jesus! (Nós estávamos orando para Deus salvar 21 almas, e ele salvou 32). Precisa dizer mais alguma coisa?

 Dyanna Almeida .

0 comentários:

Postar um comentário